Se dividirmos o sabor perfeito pela textura ideal e a isso somarmos o pai, a mãe e os filhos. E se multiplicarmos tudo isso por ¼, o resultado é esta peça de queijo tão familiar nas casas portuguesas.

A bola imperfeita dividida em 4 partes iguais e partilhada por todos. Perfeita para quem gosta de manter toda a frescura e para ir cortando à medida das ocasiões, da companhia e das necessidades.